RCC DIOCESE DE JACAREZINHO - PR
  
Seja bem vindo -


  
 Agenda 
   
    
Nome:
Email:


“A vida é feita de histórias, por isso é preciso vivê-la para, mais tarde, ter o que contar.”
O que era para ser um dia como outro qualquer, no qual sair e fotografar acaba se tornando uma rotina, fez-me ver além do que estou acostumado. Levado pela curiosidade, resolvi fazer algo inusitado: parar e ouvir as histórias das pessoas, o que é bem diferente do que faço normalmente.
 Créditos da foto: Wesley Almeida // Fotógrafo na FJPII 
Sempre tive dificuldade para me aproximar das pessoas, parar e ouvi-las, mas, dessa vez, foi diferente. Foi assim que conheci Osvaldo Locks e sua esposa, Irma.Casados há 40 anos, os dois já aposentados, estão há 15 anos rodando o mundo em sua casa motorizada. Com um sorriso, os dois me receberem e me convidaram para conhecer a casa móvel. A alegria que senti em conhecê-los e ouvir suas histórias de vida não foi maior do que a deles.“Passamos por tantos lugares, mas vocês dois foram os primeiros jovens que vieram conversar com a gente. Parece que os jovens não gostam de ouvir o que temos para dizer.”
Diferente de tudo o que estávamos acostumados a fazer, isso foi uma surpresa e tanto. Eu estava ali, dentro da casa com rodas, parado, atento, ouvindo um gaúcho de 72 anos contar suas aventuras. Ao ouvir cada lugar que por ele era citado, pude ir ao Chile, à Colômbia e até para a Alemanha, onde ele acabou encontrando e conhecendo a casa onde seu bisavô morou; tudo isso em tão pouco tempo.Foi quase uma hora de conversa. Durante esse tempo, acabei me desligando totalmente do mundo, de tudo o que se passava fora do Motor Home – o que lembra muito um trailer; ali dentro, tem tudo o que uma casa normal tem. Aquele sotaque, diferente dos que estou acostumado a ouvir, suas histórias, a simplicidade e toda aquela alegria de quem sabe realmente viver, conseguiu prender minha atenção.
Deve ser uma experiência e tanto conhecer o mundo sem sair de casa!Recordo-me de um dos trechos de suas aventuras: “Em uma viagem pela América do Sul, passamos cinco dias e seis noites dentro de uma balsa, a qual era usada para atravessar a motocasa nos rios. Irma ficou morrendo de medo. Acalmar essa mulher não foi nada fácil”, contou Osvaldo Locks. Toda a viagem durou sete meses, foi quando eles conheceram o Chile e o Deserto do Atacama, o qual tem fama de ser o mais árido do mundo, e também a Colômbia, mais precisamente as cidades de Medellin e Cali.“Medelin e Cali, ouvi falar muito dessas duas cidades, diziam que os problemas lá eram muitos, tiros, guerras… Mas não vi nada disso. Amei conhecer esses lugares e pretendo voltar lá”, explicou Irma.
Os dois são tão animados e aventureiros, que me senti um velho perto deles. Osvaldo disse ter uma motocicleta e, vez ou outra, coloca-a na traseira da motocasa e sai por aí. Perguntei a ele se Irma também ia. “Se não quiser ir, ela que fique, eu vou sozinho”, disse ele.

Animado ao extremo, o “velhinho” parece gostar de fazer arte.

Wesley Almeida // Fotógrafo na FJPII

Fonte:http://blog.cancaonova.com/fotoemfoco/2012/08/16/%E2%80%9Ca-vida-e-feita-de-historias-por-isso-e-preciso-vive-la-para-mais-tarde-ter-o-que-contar-%E2%80%9D/


Notícia Postada em 27/03/2014 por: Bruno HD

Renovação Carismática Católica - Diocese de Jacarezinho - PR
Email: escritoriodiocesano@rccdiocesejacarezinho.com.br
Telefones: (43)9609-2195(TIM), (43)8843-8990(CLARO), (43)9192-7878(VIVO) ou (43)8456-2815(OI)